tudo sobre lentes fotográficas

Aprenda tudo sobre lentes fotográficas agora

abril 30, 2019

COMPARTILHE

Um assunto que todo fotógrafo profissional precisa dominar, mas que é um dos mais complexos da fotografia é a lente, chamada de objetiva. Se você também fica meio confuso quando ouve falar de lentes fixas, lentes de zoom, grandes angulares, macros, você chegou ao lugar certo! Aqui você vai aprender tudo sobre lentes fotográficas.

A objetiva é um acessório da câmera composta por várias lentes. Ela é responsável pela qualidade da imagem, angulação e por focalizar a cena. Suas características interferem diretamente no resultado final. Por isso, é importante entender sua composição, qual a diferença entre elas, como funcionam e quando usar cada tipo.

Tudo sobre lentes fotográficas

Tipos de lentes

De modo geral, existem dois tipos de lentes: as lentes de zoom e as lentes primes (ou fixas). Entre os iniciantes na arte de fotografar é comum ouvir a pergunta: “Mas quem vai comprar uma lente prime, se na lente de zoom você tem várias lentes em uma só?”

É claro que a lente de zoom tem diversas vantagens, como seu alcance a longa distância e a possibilidade de captar as imagens de um único lugar, sem precisar ficar se movimentando muito para afastar ou aproximar um objeto. É uma lente mais versátil.

No entanto, a lente prime possui uma qualidade maior. Ela permite que suas imagens sejam captadas com mais nitidez. Além disso, é mais leve e rápida. Com uma lente mais rápida, você consegue fazer aquele fundinho desfocado que muita gente adora, por exemplo.

Distância focal

A distância focal é a distância, em milímetros, do centro óptico da lente até o sensor da sua câmera. Por exemplo, numa lente de zoom 18-55mm, a distância focal pode ir de 18 a 55 milímetros, dependendo da quantidade de zoom que você usar ao fotografar.

A lente prime, como não possui zoom, só permite a utilização de uma distância focal. Assim, quando falamos de uma lente de 50mm, estamos dizendo que a distância focal dela é de 55 milímetros.

Cada lente possui uma distância focal, sendo que esses valores variam bastante de lente para lente.

O valor da distância focal também reflete no ângulo de visão que essa lente propicia. Ou seja, ele diz também o quanto sua lente consegue capturar de uma cena. Quanto menor o número distância focal, mais ampla será a cena captada pela lente. Quanto maior esse número, mais fechada e mais longe você vai conseguir enxergar através dessa lente.

Por exemplo, quando uma lente 18-55mm está na posição de 18mm, o ângulo de visão será bem aberto. Assim, você conseguirá captar um amplo quadro da cena.

Se você der um zoom até 50 mm, o ângulo de visão será bem menor e também trará o objeto para mais próximo de você.

No caso de uma lente prime, como ela não possui zoom, para reduzir o ângulo de visão, você precisa andar para frente, se aproximando do objeto. Se você quiser ampliar o ângulo de visão, você tem que se afastar do objeto.

Diafragma

Para você conseguir entender tudo sobre lentes fotográficas, você também precisa conhecer a diferença entre os diafragmas de cada lente. Diafragma são as lâminas que existem dentro da lente. É possível trabalhar com elas totalmente abertas ou reduzi-las para diversos tamanhos, conforme a quantidade de luz que você deseja que entre na câmera. O diafragma também controla a profundidade de campo.

Cada lente possui uma abertura diferente para o diafragma. Por exemplo, você tem lentes com aberturas que vão de f/2.8 até f/20, outras que vão de f/1.8 até f/22. Esta última é considerada uma lente mais clara porque abre mais. As que abrem menos são consideradas lentes escuras.

Lentes com zoom costumam variar a abertura máxima e mínima do diafragma quando o zoom é usado. Normalmente, quando você aproxima dá zoom, a abertura máxima do diafragma diminui. Ou seja, entra menos luz.

Lembrando que quanto menor o f do diafragma, maior a abertura e a entrada de luz. Por exemplo, com o diafragma em f/1.8 a entrada de luz é maior do que com o diafragma f/22.

O diafragma será o seu melhor amigo na hora fotografar com pouca luz ou fotografar em ambientes fechados.

Foco

A maioria das lentes possuem anel para a regulação do foco manual. Quando a câmera também possui foco automático, há um ícone para que você escolha o tipo de foco que quer.

A forma como é feita essa alteração de foco é diferente em cada lente. Tem lente em que é preciso puxar o anel do foco ou empurrá-lo para alternar entre automático ou manual.

Em outras, há chaves com as siglas AF (foco automático) e MF (foco manual) que permitem fazer essa alteração.

Também existem lentes que possuem apenas o foco manual, que é o tipo mais indicado para quem vai fazer filmagens.

Outro item encontrado em algumas objetivas é o estabilizador de imagem. Assim, se você usar uma velocidade de obturador baixa, você pode ativar o estabilizador para não deixar a imagem tremida. As siglas que representam o estabilizador de imagem variam conforme a marca da lente. Algumas marcas chamam de IS, outras de VR.

Categorias de Lentes

Existem 3 categorias de lentes: grande angular, média (ou normal) e teleobjetiva.

Teleobjetivas

As lentes teleobjetivas são muito usadas no fotojornalismo. Uma curiosidade: elas costumam ser brancas para garantir a segurança dos fotojornalistas na cobertura de guerras. Assim, se evita que elas sejam confundidas com armas.

As teleobjetivas apresentam distâncias focais maiores que 50mm. Uma característica marcante dessa lente é o achatamento dos planos da imagem por causa da elevada distância com que os objetos são fotografados. É a mesma característica apresentada pelos binóculos.

As distâncias focais das teleobjetivas variam entre 75mm e 400mm. Existem ainda as superteles que chegam a 800mm.

Além dos fotojornalistas, esta lente é muito utilizada por fotógrafos da natureza. Por exemplo, com essa lente é possível fotografar um animal selvagem de longe. O fotógrafo traz o animal para perto por meio da lente e se mantém em segurança.

Os paparazzi também são grandes entusiastas desses equipamentos.

A desvantagem dessa lente é o fato de causar uma distorção de perspectiva. Assim, as pessoas que virem a foto não conseguem ter noção da distância e do ambiente em que o assunto principal estava.

Blog IpsisPro tudo-1024x683 Aprenda tudo sobre lentes fotográficas agora

Lente média ou normal

Formada por um conjunto de até seis lentes, essa objetiva apresenta uma grande abertura do diafragma. Ela possui uma distância focal média de 50mm.

Ela é chamada de normal porque é a lente que mais se aproxima do olho humano.

Versátil, ela é usada em diversas situações. Muitos fotógrafos utilizam apenas ela e não sentem necessidade de outros tipos de lentes. Para quem está começando, esta é uma boa opção. É o que chamamos de lente clássica.

Grande angular

A lente grande angular possui distância focal menor que 40mm. Assim, seu ângulo de visão é bem amplo, assim como a abertura do seu diafragma.

Ela costuma dar uma sensação de imersão muito interessante para quem está vendo a foto ou assistindo ao vídeo, pois possibilita englobar vários aspectos do ambiente.

Essa lente é ideal para fotografar ambientes pequenos. Ela também permite destacar o primeiro plano, deixando o fundo bem desfocado. Esse efeito, conhecido como efeito bokeh, é muito apreciado na fotografia profissional. Se você quiser aprender essa técnica e muitas outras, leia também o nosso artigo sobre técnicas de fotografia para iniciantes.

Essa lente também é mais vantajosa para quem pretende fazer filmagens sem tripé ou outro tipo de apoio. Isso porque ela possui uma maior estabilidade nos vídeos do que as lentes médias e as teleobjetivas. Com a lente grande angular, as chances de uma filmagem feita com a câmera na mão sair tremida são menores.

Seu ponto negativo está no fato de distorcer as bordas. Por exemplo, se um braço estiver na extremidade, pode aparentar ser maior.

Blog IpsisPro tudo-sobre Aprenda tudo sobre lentes fotográficas agora

 

Funcionalidades das lentes

Neste artigo com tudo sobre lentes fotográficas, também iremos falar sobre as funcionalidades que elas possuem.

Lente macro

A lente macro permite que você chegue muito mais perto do objeto que você quer fotografar. Por isso, ela é ideal para captar detalhes, diferentes texturas e insetos, por exemplo.

Lente tilt-shift

Essa é uma lente que muda a sua perspectiva. Ela é usada, por exemplo, em vídeos onde parece que tudo está em miniatura. Ela muda a perspectiva do espectador ao embaçar as bordas.

Fisheye

Conhecida também como lente olho de peixe, ela nos dá uma perspectiva diferente, mais ampla. É obrigatória no kit de todo o skatista.

Lentes de cinema

Essas são as lentes mais caras que existem, chegando a custar 30 mil dólares. Além de ter uma qualidade muito boa, ela é feita de uma maneira diferente para que ela encaixe no workflow de quem trabalha em estúdio. Assim, todas possuem o mesmo tamanho, não importando a distância focal.

Outra vantagem dessa lente é que ela mantém o foco quando o zoom é utilizado.

É uma lente para ser usada com uma equipe, em um set de filmagens, com muito equipamento.

Lentes para câmera full frame X lentes para câmera cropada

Para que você consiga aprender tudo sobre lentes fotográficas, você também tem que entender a diferença entre as câmeras full frames e câmeras cropadas. A principal diferença entre elas está no tamanho do sensor.

Na câmera full frame (FX ou EF), o sensor possui um tamanho de 36mm x 24mm. Na câmera cropada (DX ou EF-S), o tamanho do sensor varia entre 24mm x 16mm e 23mm x 15mm.

Assim, as lentes também possuem diâmetros diferentes para cada uma dessas câmeras. A lente para a câmera full frame cria um círculo de imagem maior do que a lente para a câmera cropada. A lente é fabricada para se adaptar a cada um desses sensores.

As lentes capturam imagens arredondadas. Mas como os sensores são retangulares, a imagem final é um recorte retangular da imagem arredondada captada pela lente.

Como o retângulo do sensor da câmera full frame é maior que o da câmera cropada, as lentes para câmeras full frame podem ser usadas nas câmeras cropadas. Mas o inverso não é possível.

Blog IpsisPro tudo-sobre-lentes-fotograficas-2-1024x576 Aprenda tudo sobre lentes fotográficas agora

Se você colocar uma lente para câmera cropada em uma câmera full frame, como o círculo de imagem que essa lente cria é menor, ela não conseguirá preencher todo o sensor full frame. O espaço que irá sobrar sem imagem será preenchido por uma borda preta. E não é possível remover essa borda que forma no Lightroom.

Blog IpsisPro tudo-sobre-3-1024x576 Aprenda tudo sobre lentes fotográficas agora

No vídeo abaixo, o fotógrafo Bruno Camargo explica mais detalhadamente essa diferença.

Agora que você já sabe tudo sobre lentes fotográficas, aprenda um pouco mais sobre fotolivros e entenda porque a IpsisPRO é a melhor opção para quem quer oferecer um produto de qualidade.

COMPARTILHE NAS REDES SOCIAIS:

FABRICA BLOG - 1

Sobre a IpsisPro

Transformamos ideias em imagens que saltam aos olhos! Seus clientes vão poder desfrutar do mesmo requinte de livros de arte e de renomados fotógrafos brasileiros através dos trabalhos da IpsisPRO.

Depois de mais de 70 anos no mercado e já consolidada como referência na América Latina em qualidade de impressão e tratamento de imagem, lançamos uma plataforma que proporciona o mesmo requinte de livros de arte para trabalhos de fotógrafos profissionais.

Fique por dentro das nossas novidades

Newsletter